fbpx

Descobrir quais são 7 dicas surreais para criar uma página de captura agora mesmo é algo fundamental para esse ano. Afinal, é uma página para que os usuários sejam redirecionados depois de clicar em um link da page.

Vale lembrar que há diferenças entre a página de captura e outras páginas diante do seu site. Bem como, sabe que a landing page tem sempre um objetivo específico e se trata de capturar algum contato do seu cliente.

A página de captura objetiva a estrutura da sua page e também a maneira como você falará com os usuários. Dessa forma, contempla toda a ação que será realizada e a seguir confira algumas dicas para te auxiliar na criação. 

Quais são as 7 dicas para criar uma página de captura?

Para entender melhor o que é uma página de captura, antes de mais nada, é necessário oferecer um exemplo. Sendo assim, é primordial ter atenção nos detalhes e abaixo confira do que se trata:

  • Imagine que você tem um site que oferece uma fórmula natural de emagrecer e produz conteúdo;
  • Quando o usuário acessar o site, ele vê essa mensagem: “Parabéns, você acabou de ganhar um ebook, deixe seu e-mail e receba agora”;
  • Basta ele deixar o e-mail e recebe o ebook, enquanto que você pode trabalhar outra estratégia;
  • Um bom exemplo é o e-mail marketing e dá para que você trabalhe o conteúdo, segundo a jornada de compra.

Logo após a página de captura, é preciso ter a página de venda e é outro processo, mas não iremos abordar aqui. A ideia principal é mostrar a landing page e acredite: a criação é muito mais simples do que você imagina.

É necessário ter acesso as dicas e o objetivo é facilitar o processo de aplicação de cada uma delas. Veja abaixo todas as informações para que você faça a criação da página de captura agora mesmo. 

Prenda a atenção do usuário logo no começo

Em primeiro lugar, é primordial descobrir qual é o objetivo da página de captura e tem um motivo: permite trabalhar o passo seguinte. Se isso for realizado, é chegada a hora de começar a efetuar a construção dela. 

Na primeira sessão da landing page, conhecida popularmente como “primeira dobra”, chame atenção de cada usuário. Afinal, a ideia é engajar o usuário a seguir na página e continuar o caminho até que aconteça a conversão.

Deixar a oferta clara é fundamental, pois mantém o interesse daqueles que estão na página e evita o erro de abandonar a página de captura. Lembre-se de criar um título atrativo e um breve resumo que demonstra a oferta.

O uso de uma imagem ou vídeo é optado, embora uma foto auxilie a ter um resulado mais interessante. Para finalizar, insira um botão que executa a ação, ou seja, o “clássico” call to action.

Página de captura
Página de captura

Conheça o público-alvo e defina o que mais você deve saber sobre ele

À primeira vista, de nada vai adiantar ter uma página de captura bem definida, se a mesma não reter atenção o público. Ao mesmo tempo, é preciso saber com quem você quer falar e por isso é salutar conhecer o outro lado.

Por exemplo: sexo, nível de escolaridade, necessidades, condição econômica. Essa informação não é estática e varia de acordo com o caso, ou seja, não existe qualquer limite para essa utilização.

Se há informações sobre o seu público, a tendência natural é que você mapeia-as tenha um processo de vendas melhor. Uma das dúvidas é sobre a quantidade de informações que o usuário deve preencher. 

Bem, não existe nenhuma informação padronizada e cabe utilizar o bom senso, ou seja, não deve ficar forçado. Fato é apenas que nenhum usuário gosta de preencher tantos campos, bastando apenas ter o nome e e-mail. 

Crie um (CTA) call to action avassalador

Quando a chamada para ação é eficiente, significa que descreveu exatamente o acontece depois que o preenchimento acontecer. O principal é que gere urgência e faça com que o usuário não adie para depois o preenchimento.

Certamente que uma das dicas principais é procurar realizar testes e que mostrem o que é mais interessante. Em outras palavras, confira a seguir algumas ferramentas que ajudam a testar e aumentar a chance de acertar:

  • Optimizely– É a ferramenta de testes A/B e é multivariada, sendo, inclusive, a mais popular do mundo. Igualmente, torna mais simples a execução e permite medir os resultados com maior facilidade. 
  • Visual Website Optimizer– É bastante similar ao Anterior, mas tem um custo menor e por isso pode servir para mais pessoas. Juntamente com esse fato, vale lembrar que é fácil de usar e testar essa opção. 
  • Google Analytics Content Experiments– Por ser mais complexa, essa ferramenta pode requerer um pouco mais de atenção. O melhor é que os resultados podem ser medidos e auxilia a todas as partes. 

Todas as ferramentas citadas acima não demandam que exista atenção em programação e por isso são belas opções. Criar uma página de captura com elas é mais fácil e fornece a possibilidade de testar a viabilidade do seu CTA.

Minhas redes sociais

Ofereça material gratuito de qualidade para o usuário

Você já sabe, a princípio, quem é o seu cliente ideal e também já manja sobre o que saber dele, não é mesmo!? Então, é necessário definir qual será o incentivo que ele terá para preencher o formulário presente no seu site. 

Uma das táticas mais relevantes é que você procure oferecer uma espécie de degustação gratuita. Contudo, lembre-se que deve ser rico e não pode conter nenhum tipo de material que não agregue valor para o seu usuário.

Esse tipo de estratégia oferece uma abordagem bastante rica e traz excelentes recompensas para os usuários. Do mesmo confira a seguir uma tática eficiente para trabalhar uma sequência de e-mail sobre um assunto:

  • Imagine que alguém tem um site que vende uma dieta para que o emagrecimento aconteça com facilidade;
  • Em seguida, uma sequência de e-mail é disparada e na primeira semana você envia mensagens relacionadas as dores do público;
  • Na semana seguinte, pode trabalhar a importância dos alimentos e finaliza com a oferta final sobre a dieta que é promovida.

Achou bacana a estratégia citada acima, porém existe outra e acredito que serve também. Ao invés de usar o e-mail, você vai oferecer um mini ebook sobre alimentação saudável e usar como isca, pois a ideia é vender a dieta.

Se você desejar criar um canal direto com seus potenciais clientes, uma estratégia eficiente é utilizar as newsletters. A meta é disponibilizar materiais e que ajudem a educa-los, facilitando bastante o seu processo de venda.

Por fim, ainda é possível utilizar as webinars e videoaulas introdutórias, pois você está se tornando referência sobre o assunto. É necessário entender que o assunto a ser trabalhado deve fazer parte do universo do seu público. 

Marketing digital
Marketing digital

Capriche no design e demonstre sua autoridade

Para ganhar a confiança do seu usuário, é necessário transformar o seu usuário em um lead e deve ser realizado da maneira correta. Todavia, para conseguir é importante prestar atenção em dois detalhes essenciais:

1- Design da página diferenciado

A página precisa ser bonita, fácil de usar e leve, com tempo de carregamento inferior a 6 segundos. Sendo assim, lembre-se de possuir interface para dispositivos móveis e por isso a dica é deixar a cargo de um profissional.

O nosso objetivo não é citar as templates e plataformas de construção da sua página de captura, pois você encontra com facilidade. Embora dê para criar a page sozinho, opte por isso apenas se você conhecer as ferramentas. 

Estabelecer autoridade e ganhar confiança

Outra atitude eficiente é utilizar o gatilho da autoridade e demonstrar a sua legitimidade para falar daquele assunto. Em resumo, várias estratégias podem ser utilizadas e a seguir confira alguns exemplos:

  • Anti-Spam: Em primeiro lugar, procure inserir uma frase bem próxima do campo de e-mail e demonstra que não será enviado nenhum spam. 
  • Contador de compartilhamentos: Essa é outra estratégia bastante útil e indica que aquele conteúdo está fazendo sucesso. Da mesma forma, peça uma ajudinha para os amigos compartilharem 😉.
  • Depoimentos de clientes: A proposta é fazer com que os clientes vejam que outras pessoas falam bem de você. Por outro lado, evite apenas de optar pelos pagos e escolha aqueles que são reais. 
  • Logos de clientes: Outra fica importante é que você mostre aqueles que já compraram de você e especialmente se forem conhecidos. 
  • Menções na mídia: Caso já tenha sido mencionado em algum canal conhecida, é importante demonstrar na sua page. Por exemplo: sites conhecidos, revistas e até programas de TV.

Deu para perceber que o processo é mais simples do que você imagine, além de auxiliar a sua página de captura. Logo após, é apenas passar para os próximos passos e deixar a sua landing page daquele jeito. 

Defina qual será o próximo passo depois que o contato for capturado

Se você acha que basta capturar os dados dos clientes e pronto, saiba que é primordial extrair mais. Por exemplo: compra de algo, compartilhamento do material com outros amigos e uma oferta complementar de outro item. 

Fato é que ofertar conteúdos interessantes é crucial para que os visitantes adiantem em seu funil de vendas. Portanto, a página de captura deve servir para que você trabalhe outro conteúdo, ou seja, serve como ponte. 

Meça os resultados e traga melhorias continuas

Por fim, é necessário medir os resultados e buscar por melhorias que sejam contínuas, acima de qualquer outra atitude. Criar é importante, mas manter e melhorar é fundamental, porque é o que te mantém a frente dos demais.

Até aqui o objetivo foi cumprido e mostrou 7 dicas surreais para criar uma página de captura agora mesmo. Todavia, é fundamental aplicar e provar na prática que os resultados saíram conforme o planejado no início. 

Qual a estrutura ideal de uma página de captura?

Embora muitas pessoas saibam o que é uma página de captura, a realidade é que é importa ter algumas atitudes para conseguir. Sendo assim, é primordial saber do que se trata e a seguir confira um exemplo de estrutura:

  • Headline– Trata-se do título da sua página de captura e o principal é que chame atenção do seu visitante. Na hora de criar, busque criar algo que faça com que o público fique atento ao que está escrito.
  • Chamada para ação– O mais importante é que faça a pessoa agir e clicar ali, porque o foco é converter os visitantes em leads. Quando for fazer a CTA, seja claro e objetivo, pois é o prende o público na page.
  • Formulário para inscrição– Certamente que é outra atitude inclusa e acredite: é preciso que você capture o contato do cliente. Tente inserir ao menos dois atributos e são os seguintes: nome e e-mail.
  • Benefícios– É essencial mostrar as vantagens que estão inclusas se o cliente preencher o formulário de envio. Explique o conteúdo de capítulo por capítulo e a meta é fazer com que o cliente sinta confiança.

A fim de finalizar o texto, busque ter uma página de captura bem-feita e que tenha os atributos citados acima. Enfim, é preciso ser objetivo e o mais direto possível, pois é o que faz com que o carregamento seja mais rápido. 

 

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.